Pages

18 de agosto de 2011

MTV demite 50 funcionários e nega crise


A emissora musical mais conhecida do Brasil, a MTV demitiu na quarta-feira, 17 de agosto, 50 funcionários. A informação é do colunista Ricardo Feltrin, do site F5.

Conforme o colunista, existem rumores de que a MTV pode passar a usar não apenas reprises nacionais, mas também material de outras MTV's mundo afora, colocando fim, de vez, em toda a produção da MTV Brasil.

A assessoria da emissora nega que vá encerrar a programação nacional, e que já tem três estreias previstas para agosto e setembro. "Mas nós vamos realmente ampliar a parceria que temos com produtoras independentes e terceiros. A MTV quer ter mais produtos prontos, sim".

Segundo o colunista do R7, Daniel Castro, a MTV deu recesso pelo menos até o final do ano, em dois dos principais programas, o humorístico Quinta Categoria e o neojornalístico Grampo MTV, apresentado por Cazé.

Na coluna do jornalista do R7, ele informa que as atrações deixarão de ser gravadas, mas continuarão no ar em reprises. O Quinta Categoria, segundo a emissora, terá nova temporada em 2012.

Daniel Castro comenta que normalmente os programas de linha da MTV deixam de ser gravados em dezembro, quando a emissora prepara uma programação de verão.

A MTV nega estar passando por uma crise. Informa que as mudanças em sua programação são uma reestruturação de grade, que terá dois novos programas em setembro: o Sangue B, sobre black music, apresentado por Emicida, e o Luv MTV, de namoro, com Ellen Jobour.

Durante o dia de hoje, circularam rumores de que o Comédia MTV, outro programa top de linha da MTV, também passaria a ser reprisado. A MTV nega. Afirma que a atração segue sendo gravada normalmente.

0 comentários:

Postar um comentário