Pages

23 de junho de 2013

FELIZ ANIVERSÁRIO MÃE!

Domingo, 23 de junho de 2013, um dia ensolarado na bela Caxias do Sul; é também uma data que marca o aniversário da sempre iluminada, a minha mãe.

Na terça-feira, 18 de junho, fiz uma homenagem na UCS, sem ela saber, e foi uma apresentação em que eu estava muito nervoso e emocionado, por ter que resumir em poucas palavras, tudo que a mãe representa pra mim.

A seguir, reproduzo o discurso que escrevi e apresentei para toda a turma:

"[...]Fazer um discurso de homenagem a uma pessoa especial, não é fácil. E não é fácil, porque envolvem muitas histórias e sentimentos. A homenagem, que por consequência, não deixa de ser um agradecimento, é importante pela pessoa sempre estar ao meu lado, em todos os momentos da minha vida.

MÃE!

Teve um dia em que estávamos conversando sobre o tema da minha monografia, e tu me sugeriu escrever sobre você. Pois é, e com certeza este seria o melhor tema que um filho poderia escrever.

Nesse dia 23 de junho, você está completando mais um aniversário, são 50 anos de muitas alegrias e lutas. Falam que é até feio dizer a idade, mas, nós nunca nos importamos com isso, porque levamos a vida numa boa, mesmo tendo alguns problemas, o que é normal, pois, tentamos aproveitar sempre o máximo possível.

É impressionante como o tempo passa rápido, e quando percebemos, tanta coisa já se passou. Até hoje, eu me lembro de quando saímos do apartamento em que morávamos, e lá com dois anos de idade, eu fiquei ali no teu colo, olhando o caminhão da mudança. E hoje, eu com 26 anos de idade, tantas coisas já mudaram, mas, a nossa relação de amizade sempre continua numa boa.

O carinho sempre aconteceu, e é algo muito especial e marcante. Muitas vezes, eu não vejo mais essa relação de filho com a mãe, de sentar-se à mesa e conversarem sobre o dia; ou de um invadir o quarto do outro, e deitar-se na cama, e ali ficarem conversando.

Pois é mãe, até acho que já quebrei o protocolo deste discurso, mas esse é o nosso jeito. Fazer o diferente, para se tornar algo legal. E uma das coisas que eu sempre disse, e nunca neguei, é o exemplo de pessoa que tu é pra mim. Toda a educação que eu tive, foi graças a você.

Não que eu me considere uma pessoa intelectual, longe disso, mas, eu percebo que as pessoas gostam da minha educação, e isso eu devo a você.

Falando em educação, quem diria mãe, estou quase me formando, e assim, concluindo mais um ciclo na vida. Lembro do meu primeiro dia, aqui na UCS; e quem estava comigo na matrícula? Sim, era você que estava ao meu lado.

Tempos atrás, estávamos conversando sobre a minha formatura, e tu ficava ali me olhando e observando. E ali eu entendi, o quanto este momento na minha vida, não era apenas especial pra mim, mas pra você também.

Nós já passamos por muitas dificuldades, mas nunca abaixamos a cabeça; e temos que ter orgulho, da pessoa que somos.

Quando eu disse, que para homenagear uma pessoa especial, não era uma tarefa fácil, foi este o motivo. Porque queremos dizer tantas coisas, que o tempo passa muito rápido.

Em poucas linhas dessa homenagem, MÃE, eu quero te dizer mais uma coisa, EU TE AMO, e eu não tenho vergonha de dizer isso, e de expor o meu grande sentimento por você.

Por fim, foi muito importante fazer esta apresentação, pra você Margarete Suzana Sgarabotto, a minha querida mãe. [...]"

MÃE! um grandioso e espetacular feliz aniversário! E muito obrigado por tudo.

0 comentários:

Postar um comentário