Pages

6 de novembro de 2013

Vereador Felipe Gremelmaier apoia a luta pela volta da obrigação do diploma para o exercício do Jornalismo

Foto: Luciane Modeana

O apoio à luta pela volta da obrigatoriedade do diploma de formação específica, para o exercício do Jornalismo, foi sustentado pelo vereador Felipe Gremelmaier/PMDB. Na sessão ordinária desta terça-feira (05/11), o parlamentar destacou que, em junho de 2009, o Supremo Tribunal Federal (STF) havia derrubado a necessidade do diploma e que, no momento, na Câmara dos Deputados, aguarda pauta a proposta de emenda constitucional (PEC) 33/2009, para restabelecer a precondição daquele curso superior.

O peemedebista lembrou que a PEC veio para a Câmara Federal depois ter sido aprovada, em segundo turno de votação, no Senado. A autoria da proposição coube a senador Antonio Carlos Valadares/PSB (SE). Ele também referiu a visita ao Legislativo caxiense, no último dia 7 de outubro, do presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul (SindJor/RS), Milton Simas. Na oportunidade, ele divulgou a campanha "Sem jornalista não tem informação", para a qual Felipe pediu a adesão de todos os vereadores.

Em apoio, o vereador Henrique Silva/PC do B relatou que hoje conversou com Simas, quando ouviu detalhes do processo de negociação coletiva com a representação patronal. "Os patrões rejeitaram a totalidade da pauta do sindicato da categoria. Infelizmente, por enquanto, só aceitam conceder o repasse inflacionário, sem ganho real. Os jornalistas ainda não têm plano de carreira", explicou.

O vereador Mauro Pereira/PMDB observou que, por questões éticas, o jornalista não pode cobrir as suas próprias manifestações reivindicatórias. Comentou que, ao atuarem junto a protestos, alguns profissionais, por vezes, sofrem agressões. Fonte

0 comentários:

Postar um comentário