Pages

18 de maio de 2014

Os relacionamentos e os medos

A vida de um homem fica completa com a presença de uma companheira. Ter alguém para dividir as coisas é importante, por simplesmente nos fazer bem, tanto nas situações boas, como nas mais complicadas.

Muitas vezes isso pode até não parecer, contudo, um simples gesto muda tudo o que parecia estar perdido e confuso, nos dá uma força que jamais esperaria ter. Estou escrevendo isso, pois, recentemente muitos amigos estão conversando comigo sobre relacionamentos, e gosto de falar sobre isso.

Os motivos são os mais diversos, tanto pra dizerem como estão felizes, outros para desabafos e até pra pedir conselhos e ajudas, entre outros assuntos. A nossa vida é cheia de altos e baixos, e ser amigo é muito importante por estar ao lado, independente da hora em que for chamado; manhã ou tarde, noite ou madrugada.

Todo relacionamento acaba gerando um medo, e este medo muitas vezes quando não bem enfrentado, pode ter um desfecho nada legal, que no fim vai machucar os dois. Uma das coisas que sempre digo é ser sincero, e a verdade por mais que possa doer, é um caminho correto que se for pra ser, só vai te dar bons resultados, nem que seja para depois, mais vai.

A consciência tranquila é o melhor remédio para te ajudar a enfrentar qualquer situação. O medo surge por tu quereres ver algo que não está legal, ou por ter criado uma grande expectativa depositada na outra pessoa, e não quer perder, e ninguém quer perder quando se gostam.

O único jeito de não ter medo, é enfrentando o próprio medo; é querendo fazer que tudo dê certo e tu estando de bem contigo, para a outra pessoa também estará de bem. Pode até parecer simples, e sei que não é, mas basta os dois quererem e lutarem para isso.

Por: Ivan Sgarabotto

0 comentários:

Postar um comentário