Pages

28 de junho de 2015

'Virose Paraguaia' elimina a Seleção Brasileira da Copa América no Chile

Rafael Ribeiro / CBF

O Brasil foi eliminado da Copa América neste sábado, 27, ao perder nas cobranças de pênalti para o Paraguai por 4 a 3. Em partida realizada no Estádio Municipal, em Concepción, no Chile, o confronto terminou empatado no tempo normal em 1 a 1.

Melhor em campo durante todo o confronto, a seleção brasileira abriu o marcador aos 14' da etapa inicial com Robinho, que foi o atleta destaque da partida. No segundo tempo Thiago Silva pôs a mão na bola dentro área aos 24', o árbitro uruguaio Andres Cunha marcou o pênalti, e aos 26' Derlis Gonzalez converteu a penalidade para dentro da rede, empatando o duelo.

Próximo do término do jogo, Robinho foi substituído por Everton Ribeiro, que foi o primeiro atleta do Brasil a errar nas cobranças de pênalti. Douglas Costa também desperdiçou para a seleção brasileira. Roque Santa Cruz foi quem perdeu para os paraguaios perdeu a cobrança. Os pênaltis do Brasil foram convertidos por Fernandinho, Miranda e Philippe Coutinho, e para o Paraguai por Osvaldo Martínez, Victor Cáceres, Raul Bobadilla e Derlis González.

Logo após a eliminação da seleção, o técnico Dunga em coletiva de imprensa, elogiou a equipe verde-amarela e informou que 15 jogadores tiveram virose antes do confronto, e por isso os treinamentos tiveram que ser limitados. Conforme o treinador, os atletas tiveram "Muita dor de cabeça, dor nas costas, mal estar no corpo, uns sentiram mais do que os outros. Tivemos que diminuir bastante a intensidade dos treinos. Alguns com ânsia de vômito", porém, a virose não poderia ser uma desculpa atenuante para a desclassificação nas quartas de final, de acordo com o comandante do Brasil, Dunga.

0 comentários:

Postar um comentário