Pages

12 de abril de 2011

Humorista e radialista Serginho Leite morre em São Paulo

Foto: Reprodução/SBT

O humorista e radialista Sérgio de Souza Leite, conhecido como Serginho Leite, morreu nesta terça-feira (12) em São Paulo. A causa da morte foi um infarto do miocárdio.

Ele deu entrada no HC (Hospital das Clínicas) às 11h15 de hoje, segundo a assessoria do local. Ele tinha 55 anos.

Apesar de ter sido atendido pelas equipe de emergência do HC e do Incor (Instituto do Coração), ele morreu às 14h50.

Leite era conhecido por fazer imitações de personalidades no rádio. Ficou famoso pelo Show de Rádio, da Joven Pan.

O sucesso no meio fez o trabalho migrar para o teatro, formato para o qual adaptou seus programas. Apresentou-se nos palcos do Tuca e Zaccaro, entre outros.

As imitações também ganharam a televisão. No programa "A Praça É Nossa" (SBT), ele imitou nomes como Pelé, Maguila, Paulinho da Viola e Clementina de Jesus). Também trabalhou no programa "Domingão do Faustão", da Globo, na Record e na Cultura.

No meio publicitário, ficou famoso por criar jingles e dublar campanhas. Era a voz do Tigre Tony, dos Sucrilhos Kellog's, do boneco Bond Boca, garoto-propaganda do Cepacol, e do elefante Jotalhão, do molho de tomate Cica.

Serginho Leite, que era casado, deixa dois filhos. Fonte

0 comentários:

Postar um comentário