Pages

6 de fevereiro de 2013

Jornalista Farid Germano Filho leva caso da barrigada à polícia

Foto: Divulgação

A brincadeira que criou o jogador fictício Enrico Cabrito ganhou novos desdobramentos nesta quarta-feira, 6. O jornalista Farid Germano Filho, da Rede Pampa, registrou boletim de ocorrência pelo uso de sua conta no Twitter por terceiros. Na noite desta segunda-feira, 5, a informação de que o falso atleta seria contratado pelo Grêmio foi postada no microblog, suscitando manifestações do público e de profissionais da imprensa. “Maldade ou brincadeira, poderiam ter postado algo mais sério. Quero saber o que aconteceu, ir a fundo”, explicou Farid, ao Coletiva.net.

Conforme o jornalista, o alerta sobre a publicação veio por seu filho mais velho, que queria saber quem era o jogador. Tratou de dizer que não conhecia o nome e ficou surpreso ao saber que a informação estava em seu Twitter. Em seguida, trocou a senha da página e informou seus seguidores de que não era sido o autor da mensagem. Os reflexos só foram percebidos no dia seguinte. “Minha conta estava tomada de mensagens, muitas de pessoas que não conheço, com as mais duras e veementes críticas, feitas de maneira leviana e rasteira. Muitos me acusam de desonrar minha profissão e pedem retratação, mas não sou o responsável”, reforça Farid, que completa 25 anos de jornalismo no próximo dia 15.

Após o ocorrido, Farid avalia se irá seguir com seu perfil no microblog. “Por esse crime virtual, sofri injúria, difamação e calúnia, inclusive de pessoas da minha profissão. Vou buscar o que a lei permite para chegar a um esclarecimento”, sustenta. O narrador da RBS Paulo Brito chegou a noticiar a contratação do personagem no Jornal do Almoço. Na edição de hoje do programa, ele pediu desculpas aos telespectadores por não ter apurado a informação e garantiu que não repetirá o erro. "Eu caí e dou meus parabéns aos criadores da brincadeira", admitiu no ar. Fonte

0 comentários:

Postar um comentário