Pages

13 de agosto de 2014

PSDB e Aécio Neves divulgam nota de pesar sobre a morte de Eduardo Campos


Confira a declaração do candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves/PSDB, sobre acidente de avião e morte de Eduardo Campos, na manhã desta quarta-feira, 13, em Santos-SP.

É com imensa tristeza que recebi a notícia do acidente que vitimou o ex-governador e meu amigo Eduardo Campos. O Brasil perde um dos seus mais talentosos políticos, que sempre lutou com idealismo por aquilo em que acreditava.

A perda é irreparável e incompreensível. Nesse momento, minha família e eu nos unimos em oração à família de Eduardo, seus amigos e a milhões de brasileiros que, com certeza, partilham a mesma perplexidade e pesar.


A Coordenação Jurídica da Coligação Muda Brasil, do PSDB também divulgou uma nota:

A relação do Partido dos Trabalhadores com o esquema de corrupção orquestrado pelo doleiro Alberto Yousseff está sendo demonstrada dia-a-dia. Após a prova de que o deputado eleito pelo PT, André Vargas, mantinha uma sociedade oculta com Yousseff, a intimidade com o PT vem sendo escancarada com as novas revelações, como a de que o ex-Líder do Governo de Lula e de Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados, Cândido Vacarezza, também mantinha um relacionamento estreito com o doleiro! Agora, atônitos, descobrimos que o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, procurou pelo doleiro em uma de suas empresas fantasmas, utilizadas para desviar recursos públicos.

O financiamento do PT com recursos públicos já é por todos nós conhecido, desde a época do “Mensalão do Lula”! O que percebemos é que esta história está se repetindo e, nos dias de hoje, o “Mensalão da Dilma” já é uma realidade. Estamos apresentando requerimento para que o Senhor João Vaccari Neto compareça à CPMI da Petrobras e esclareça a todo o país os motivos pelos quais um tesoureiro do Partido dos Trabalhadores vai, em época de eleições, à procura de um conhecido abastecedor de políticos com recursos ilícitos, desviados, principalmente, dos cofres da Petrobras.

Carlos Sampaio

Deputado Federal

Coordenador Jurídico Nacional da Coligação Muda Brasil

0 comentários:

Postar um comentário