Pages

19 de abril de 2011

SBT Brasil terá novo nome e formato no dia 2 de maio

Foto: Divulgação

O SBT vai mudar o nome e o formato do SBT Brasil, seu principal telejornal, no próximo dia 2.

O programa deverá se chamar Jornal do SBT 1ª Edição. Na cúpula da emissora, há rejeição ao título SBT Brasil.

O novo formato contará com a participação da jornalista Rachel Sheherazade, contratada em março após criticar o Carnaval na afiliada do SBT em João Pessoa, onde trabalhava (confira detalhes aqui).

Rachel poderá ser uma das apresentadoras do telejornal, ao lado de um outro jornalista, dando sua opinião após a exibição de reportagens.

Existe também a possibilidade de ela não ficar na bancada, ou seja, não apresentar notícias, e ter uma coluna diária, em que faria comentários durante dez minutos sobre os principais assuntos do dia.

Rachel gravou pilotos na semana passada e agradou. Ela continuará fazendo testes nesta semana, dividindo a bancada do telejornal com Carlos Nascimento, César Filho e Rodolpho Gamberini.

Haverá também testes em que a apresentadora continuará sendo Karyn Bravo.
Desde o início do ano, a diretora-geral do SBT, Daniela Beyruti, pressiona a direção de jornalismo da emissora para que o SBT Brasil mude. Ela quer um jornal mais dinâmico, que dê maior audiência.

Para tanto, deu ao então diretor de jornalismo, Luiz Gonzaga Mineiro, carta branca para até tirar Carlos Nascimento da apresentação e da chefia do SBT Brasil. Mineiro, no entanto, pediu demissão. Foi substituído no início deste mês por Alberto Villas, ex-Globo.

Resistência ao SBT
Villas vem assediando profissionais da Globo e da Record para montar uma equipe de sua confiança no SBT, mas vem encontrando dificuldade. Da Globo, tentou levar Marcia Dal Prete, uma das principais editoras de São Paulo, mas ouviu um "não".

Os profissionais consultados por Villas quase sempre alegam a mesma coisa: não sentem segurança no projeto de jornalismo da emissora. Fonte

0 comentários:

Postar um comentário