Pages

5 de maio de 2013

Inter é tricampeão do Campeonato Gaúcho


Foto: Rosângela Magalhães

O Gauchão é do Inter, o time colorado derrotou o Juventude nas penalidades por 4 a 3, no Centenário, neste domingo, 05 de maio. No tempo normal o placar ficou fechado. A equipe colorada venceu os dois turnos (Taça Piratini e Farroupilha), e por isto faturou o Campeonato Gaúcho.

O Juventude jogou melhor na etapa inicial, contra um Inter apático e perdido em campo, com péssima atuação. A equipe esmeraldina foi prejudicada aos 12' quando o árbitro Márcio Chagas errou ao anular o gol de cabeça do Diogo Oliveira. O árbitro disse que viu uma falta logo que a bola foi alçada, o que não houve absolutamente nada.

No primeiro tempo, o Internacional foi surpreendido pela forte marcação do time alviverde. Juventude melhor na partida teve mais chances de ataque, que o colorado, que pouco ameaçou o goleiro Fernando.

Antes de iniciar a segunda etapa, teve uma briga generalizada entre os integrantes da Torcida Organizada Nação Independente, do Inter. A brigada militar controlou a confusão logo após o tumulto.

No começo do segundo tempo, aos 4' minutos o goleiro Muriel fez uma grande defesa ao defender uma bola de Zulu. Logo após aos 8' e 10', Leandro Damião também perdeu uma boa oportunidade de gol, mas pelo lado colorado.

No decorrer da segunda etapa, o Internacional com um melhor preparo físico começou a pressionar na partida, e o Juventude ficou mais na defensiva, na espera do contra-ataque. O segundo tempo foi tenso e drama para ambas as torcidas e seguiu com o plcar fechado até o final da partida, levando a decisão paras as penalidades.

Nas cobranças de pênaltis o Juventude levou a melhor ao derrotar o Inter por 4 a 3. Marcaram para o Inter: Juan, Forlán, Fabrício e Caio. O argentino D'Alessandro errou na primeira cobrança. No lado do Juventude fizeram: Zulu, Robinho e Diogo. Erraram Rogerinho e Moisés.

Ficha técnica:
Inter: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Fabrício; Aírton, Willians, Fred e D'Alessandro; Forlán e Leandro Damião (Caio). Técnico: Dunga

Juventude: Fernando; Moisés, Rafael Pereira, Diogo e Robinho; Fabrício, Jardel, Diogo Oliveira (Romano) e Gustavo (Dê); Bergson (Rogerinho) e Zulu. Técnico: Lisca

Árbitro: Márcio Chagas da Silva; auxiliares: Altemir Hausmann e Júlio César dos Santos.

0 comentários:

Postar um comentário