Pages

8 de setembro de 2013

Juventude faz jogo histórico ao ganhar do Londrina no Jaconi

Fotos: Ivan Sgarabotto

Uma tarde de muitas alegrias para o torcedor papo no Estádio Afredo Jaconi. Na tarde deste domingo, 08, a equipe esmeraldina conseguiu a classificação para as quartas de final da Série D, ao derrotar o Londrina pelo placar de três a um na reta final da partida.

O jogo foi difícil desde o começo, porém, o Juventude sempre teve o domínio da bola, e após alguns lances de gols perdidos com a bola na área, o capitão Rafael Pereira abriu o marcador de cabeça aos 22’ da etapa inicial. A vitória de um a zero levaria a partida para as penalidades, e por isso, o time esmeraldino tentava fazer mais um gol.

Das emoções do primeiro tempo, a segunda etapa foi de muita angústia para o Jaconero, a equipe paranaense jogou um balde de água fria aos 22’ com Celsinho, que empatou no score, e assim complicava a situação esmeraldina. O Juventude para se classificar teria que marcar mais dois gols. Um rápido silêncio foi abafado pelo grito da torcida de “Eu acredito!” até o fim.

O clima estava tenso, os minutos pareciam passar rápido, os jogadores tinham uma grande responsabilidade, e próximo do término da partida, o artilheiro voltou a marcar. Zulu aos 41’ de pênalti colocou o papo de novo na frente do placar, levando a torcida a loucura, até que aos 47’na onda do torcedor “Eu acredito!”, o rei Zulu marcou o gol da classificação.

O delírio e a euforia dos Jaconeros era tão grande, que muitos torcedores invadiram o campo para comemorar ao lado dos jogadores e comissão técnica o feito realizado na tarde deste domingo. Por causa da invasão de alguns torcedores no término da partida, o Juventude pode perder o mando de campo, caso o árbitro relate na súmula o acontecimento.

A partida reservou muitas emoções. O Juventude ganhou do Londrina por três a um, e assim, a equipe esmeraldina enfrenta nas quartas de final da Série D, o Metropolitano. O Juventude está a dois jogos de retornar a Série C.

0 comentários:

Postar um comentário