Pages

18 de dezembro de 2013

Pesquisa mostra que TV por assinatura cresce na América Latina

Foto: Shutterstock

Nos últimos cinco anos, o consumo de TV por assintura aumentou de forma significativa na América Latina. Em 2012, o meio atingiu 51% da população da região, ante 37% registrados em 2008, o que representou um aumento de 38% do consumo do meio no período.

De acordo com dados do Target Group Index, estudo do IBOPE Media, o Equador é o país onde esse crescimeto foi mais expressivo.

Em 2008, 13% dos equatorianos afirmavam ter assistido TV paga nos últimos sete dias, percentual que cresceu 113%, atingindo 27% da população em 2012.
Na comparação entre os países, o Brasil é o que apresenta a segunda maior taxa de crescimento da TV paga no mesmo período, com um aumento de 87% no consumo do meio.

Na sequência, aparece o Chile onde o consumo da TV por assinatura passou de 35% em 2008, para 63% em 2012, ou seja, um crescimento de 78%.

No México, o aumento no consumo de TV paga chegou a 33%. Seguido da Venezuela, com crescimento de 24%, e do Peru, com aumento de 20% no consumo do meio.

Já na Colômbia, país que apresenta a maior penetração da TV paga na América Latina (86%), o crescimento foi 17%.

Entre os países aferidos, o menor índice de crescimento foi registrado na Argentina, com aumento de 13% no consumo de TV por assinatura no país.

0 comentários:

Postar um comentário