Pages

14 de julho de 2014

Governo federal faz balanço da Copa

Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

O governo apresentou balanço sobre a Copa do Mundo no Brasil, nesta segunda-feira (14), no Centro Integrado de Comando e Controle de Brasília. Segundo a governo, o Brasil demonstrou que estava capacitado para assegurar infraestrutura, segurança, telecomunicações, tratamento adequado aos turistas às seleções e aos chefes de Estado que compareceram ao evento. Dilma agradeceu aos envolvidos na organização do evento e considerou que o povo mostrou sua capacidade de bem receber. “Nós vivemos, nesses dias, uma festa fantástica. Mais uma vez, o povo brasileiro revelou toda a sua capacidade de bem receber. (…) os torcedores e todos os amantes do futebol, asseguraram uma festa que eu tenho certeza é, sem dúvida, uma das mais bonitas do mundo”, disse a presidenta.

Para ela, foram superados prognósticos negativos sobre a competição, que previam a não conclusão de arenas e a falta de capacidade dos aeroportos para receber os turistas. "A gente dizia que ia ter a Copa das Copas. Tivemos a Copa das Copas. Tivemos, sem tergiversar, um problema que foi a nossa partida, nosso jogo com a Alemanha. No entanto, acredito que tudo na vida é superação. (...) Derrotamos, sem dúvida, essa previsão pessimista e realizamos, com imensa e maravilhosa contribuição do povo, essa Copa das Copas", afirmou.

Ela lembrou ainda as mensagens de paz recebidas por líderes religiosos de todo o mundo no início da Copa, que dialogavam com o sentimento da Copa Sem Racismo, imagem que ficou como um dos legados do Brasil para o mundo. A presidenta agradeceu ainda os governos estaduais e municipais das 12 cidades-sede na realização do Mundial e concluiu agradecendo brasileiros e brasileiras pela hospitalidade, frisando a diversidade do País.

“Queria agradecer também a todos os brasileiros que mostraram quem nós somos, qual é a nossa alma, qual é o nosso coração, e como é que temos essa extraordinária capacidade de integração com todas as culturas, todas as origens étnicas. Muito porque nós somos um país multiétnico, multidiverso, com culturas as mais variadas. Não só viram a beleza do nosso País, mas viram, sobretudo, a beleza do nosso povo, a beleza da alma do nosso povo”, finalizou.

Com informações do Portal Brasil

0 comentários:

Postar um comentário