Pages

9 de março de 2013

A morte do Chorão e a derrota da luta contra as drogas


O vocalista Chorão da banda Charlie Brown Jr. tinha uma grande história na música nacional na era da nova geração anos 2000. O músico tinha uma legião de fãs e também de pessoas que não gostavam do cantor ou das próprias músicas.

Chorão foi encontrado morto na quarta-feira, 06 de março, em São Paulo, em seu apartamento todo destruído. A polícia ainda investiga a morte do músico e a suspeita de overdose. Foi encontrado em alguns lugares do apartamento muita cocaína.

De acordo com a ex-mulher de Chorão, Graziela Gonçalves, ela disse que o cantor perdeu a luta contra a cocaína. "Eu tentei tudo que vocês podem imaginar. Mas, infelizmente, essa praga mundial que é essa droga, era cocaína, não era crack não, que está acabando com tudo, ganhou. Eu espero que outras famílias e outras pessoas não passem por isso que eu estou passando." O casal estava separado há seis meses e uma das causas da forte depressão do vocalista seria essa.

A droga é uma assassina de famílias, e causa apenas estragos na vida de pessoas. Quem tem conhecidos usuários de drogas, sabe como ela devastadora e que a cura é muito mais difícil de se combater, mas não impossível, entretanto, o viciado tem que ter coragem e vontade de vencer esta luta.

A cocaína pode ter matado mais um ídolo, que estava isolado num mundo solitário e perigoso da fama. A dor dos familiares e dos fãs são grandes, é preciso a conscientização das pessoas do veneno mortal das drogas.

0 comentários:

Postar um comentário