Pages

2 de fevereiro de 2014

Paulo Ribeiro lança o livro gratuitamente "O Cabelo de Dalila" pela internet

A obra "O Cabelo de Dalila" escrita pelo professor de Jornalismo da UCS, Paulo Ribeiro, vai ser lançada gratuitamente pela internet na quinta-feira, dia 20 de fevereiro.

O livro de romance do professor é uma ação virtual, que já tem mais de 400 aceitações do convite para o evento. "Entrem lá e confirmem a presença, porque é um evento que não exige deslocamento, funciona aqui mesmo pela internet.", explica Paulo Ribeiro. O acesso pode ser feito neste LINK para o download da obra.

O jornalista que já escreveu "Bonja" e "O passo do socorro", está utilizando as redes sociais para o lançamento virtual do livro. "Renovo aqui o convite para o 'livro grátis' e, quem sabe, vocês acabem gostando depois da obra. Eu espero.", convida o professor.

A obra de romance "O Cabelo de Dalila", do professor e jornalista Paulo Ribeiro, publicada pela editora Belas letras, vai ser lançada no dia 20 de fevereiro.

Confira o texto de Marcelo Carneiro da Cunha, escritor e colunista de séries televisivas do Segundo Caderno da Zero Hora, que faz a apresentação do livro:

"Você está deitado em sua cama, enquanto uma chuva bate eternamente sobre o telhado de zinco. Ao seu lado, a mulher com quem você divide a mesma cama, a mesma chuva, a mesma vida, mal se move sob um cobertor que ambos compartilham e disputam.

O que você tem de seu são esse quarto e suas memórias, as que você honestamente possui, e que se revolvem em sua mente, ao som da chuva.

A literatura, seu outro ou único amor, não lhe parece em nada diferente de suas memórias ou seus procedimentos em relação à chuva ou ao tempo. Ela funciona, desde que usada com parcimônia e em espaços mínimos e emoldurados como os de um quarto de dormir.

O Cabelo de Dalila é um ao mesmo tempo um ensaio e a comprovação do ensaio, que demonstra que tudo que temos de nosso nesse mundo é o presente.

O significado desse presente somente pode ser compreendido como a totalização de todos os momentos que o criaram, feita sob um teto e a chuva que nele bate. Neste universo, a literatura é convertida em uma operação de cálculo diferencial, na qual a variável desconhecida tende a zero e o nosso presente assume seu valor absoluto.

Ler O Cabelo de Dalila é realizar um certo e meticuloso acerto de contas com a vida, talvez o valor final da literatura em nossos tempos, e em todos os tempos".

0 comentários:

Postar um comentário