Pages

6 de agosto de 2014

Ministério da Saúde orienta serviços de saúde para os cuidados com o vírus ebola


A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Saúde, informa que não há casos registrados do vírus ebola no Município.

De acordo com a secretária da Saúde, Dilma Tessari, o Município está atento a essa questão e frequentemente monitorando o movimento dessa epidemia. “Neste momento em que o mundo está em alerta, temos que ter muito cuidado e responsabilidade com esse tipo de informação””. Dilma destaca que o sistema de monitoramento funciona em parceria com a rede de saúde pública e privada com base na Lista Nacional de Notificação Compulsória de doenças, agravos e eventos.

Nesta quarta-feira (06.08), o Ministério da Saúde publicou um informe técnico contendo orientações para as ações de vigilância e serviços de saúde de referência com relação ao vírus ebola. Confira a íntegra da nota AQUI.

Na nota, o Ministério explica que o vírus ebola foi identificado pela primeira vez em 1976, no Zaire (atual República Democrática do Congo), e, desde então, tem produzido vários surtos no continente africano. Esse vírus foi transmitido para seres humanos que tiveram contato com sangue, órgãos ou fluidos corporais de animais infectados, como chimpanzés, gorilas, morcegos-gigantes, antílopes e porcos-espinhos.

A nota fornece informações sobre o vírus e aponta medidas a serem adotadas diante de um caso suspeito. Além disso, o Ministério afirma que a possibilidade de ocorrer uma disseminação global do vírus é muito baixa. No Brasil, não há circulação natural do vírus ebola em animais silvestres, como em várias regiões da África.

Com informações da Assessoria de Comunicação - Secretaria da Saúde

0 comentários:

Postar um comentário