Pages

29 de setembro de 2014

Haroldo Santos renuncia à presidência da Aceg

A crise na Associação de Cronistas Esportivos Gaúchos (Aceg) ganhou mais um desdobramento: Haroldo Santos renunciou à presidência da entidade. A decisão foi comunicada por telefone a Claudio Brito, presidente da assembleia que analisava seu processo de destituição do cargo, e oficializada em carta entregue à entidade. O documento passa a vigorar a partir da próxima segunda-feira, 2 de outubro, quando o vice-presidente, Edgar Vaz, jornalista em Caxias do Sul, deve assumir a gestão da entidade. Segundo Haroldo contou ao Coletiva.net, a renúncia ao cargo tem como base acordo firmado com o Grupo Band, pelo qual irá assumir a gerência de Jornalismo da Rádio Bandeirantes, um posto que exigirá dedicação exclusiva.

O processo de destituição do presidente, por má gestão, foi instaurado após assembleia em 11 de abril, que reprovou a prestação de contas da entidade no último ano. Pelos dados apresentados, a Aceg fechou 2013 com receita de R$ 233 mil, despesa de R$ 127 mil e uma dívida de cerca de R$ 82 mil, o que não foi esclarecido. Outras sessões foram marcadas e imprevistos, como problemas de saúde de Haroldo, adiaram a análise do processo pelos associados.

Na última sessão da assembleia, concluiu-se a fase de instrução do processo, quando são produzidas as provas. As apresentações da acusação e defesa seriam conduzidas em nova sessão. O futuro da assembleia ainda é indefinido. Sobre o caso, Haroldo limita-se a afirmar que tudo o que diz respeito à sua gestão será esclarecido. “Posso dizer apenas que tudo ficará bem resolvido. A categoria vai olhar para frente”, afirmou. Mesmo com a renúncia de Haroldo, as dificuldades na Aceg, tornadas públicas ainda em fevereiro deste ano, devem permanecer. Isso porque a entidade é alvo de processos na Justiça, como o portal noticiou aqui.

Haroldo passa a responder pela área a partir do dia 6 do próximo mês. Cronista pela Aceg desde 1987, foi coordenador de Comunicação do Grêmio, onde foi responsável pela implantação da rádio e da TV do clube; coordenador de Esportes da extinta Esportes FM, também da Band; e também tem passagens pela pela Pampa, pelo Grêmio Náutico União, e pelo Esporte Clube de Novo Hamburgo. No novo cargo, garante que irá “trabalhar o dobro do que trabalhei até hoje”.

Com informações do Coletiva

0 comentários:

Postar um comentário